Passeando pelo Rio: conhecendo o Morro da Conceição

25.9.14


Durante as férias de junho, namorado e eu resolvemos turistar um pouquinho pelo Centro do Rio. Começamos o dia com um café da manhã na Confeitaria Colombo, na rua Gonçalves Dias (com direito a café com leite de bule e torradas Petrópolis), seguido de uma fila considerável no CCBB para visitar a exposição do Salvador Dalí (que infelizmente terminou em 22/9) e depois partimos rumo a um passeio para conhecer o Morro da Conceição.


Eu já conhecia o Restaurante Imaculada, pois já havia almoçado lá uma vez, entretanto, apesar de trabalhar pertinho, nunca tinha tirado um tempinho para passear pelas ruas do histórico Morro da Conceição. 

(detalhe da decoração do Bar e Restaurante Imaculada)

De acordo com a Wikipédia, "marco da ocupação inicial da cidade do Rio de Janeiro pelos portugueses, o Morro da Conceição formava, juntamente com os morros do Castelo, de Santo Antônio e de São Bento, um quadrilátero onde a cidade cresceu por três séculos, a partir da sua fundação". Apesar das transformações urbanas ao seu redor, manteve um estilo de vida bastante tradicional, semelhante aos antigos bairros portugueses. Hoje, enquanto os morros do Castelo e de Santo Antônio já foram total ou parcialmente derrubados e o Centro do Rio virou uma área caótica de comércio e negócios, o Morro da Conceição permaneceu calmo e residencial, rodeado de arranha-céus que o mantém escondido e alheio à confusão urbana. O lado noroeste do morro também já foi chamado de Morro do Valongo, e essa distinção foi usada até o começo do século XX até a fundação do Observatório do Valongo, em 1926.


Confesso que até pouco tempo atrás eu desconhecia a existência do lugar e acredito que muitos cariocas sequer ouviram falar nele. Recomendo o passeio para quem, assim como eu, curte desbravar cada cantinho do Rio de Janeiro em busca de um pouco de história e fotos legais. 

(vista de uma pracinha localizada no alto do morro)

E, para quem quiser estender o passeio, o Museu de Arte do Rio (MAR) fica ali pertinho, contando inclusive com uma exposição super interessante sobre a história local, chamada "Do Valongo à Favela: imaginário e periferia". #ficaadica

♥ ♥ 

Se você também curte esse tipo de passeio, pode clicar nestes links e ver mais posts sobre outros cantinhos do Rio que já conheci:

Sambinha no Morro Dona Marta
Fotografando no Píer Mauá
Lagoa Rodrigo de Freitas
Exposição no CCBB e Livraria Cultura
Pão de Açúcar e Aterro do Flamengo
Jardim Botânico do Rio

♥ ♥  ♥ 

Curte o blog? Pode divulgar! ;)

Quer acompanhar as novidades também pelas redes sociais? ♥ Fanpage ♥ Instagram ♥ Google +

Leia também

14 COMENTÁRIOS

  1. Amei seu passeio!
    E que lugar mais lindo!
    Quando fui ao Rio não consegui fazer um terço das coisas que queria e uma delas era ir na Confeitaria Colombo. Agora já posso incluir esse seu roteiro.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então volte logo e me avise que eu te mostro uns lugares bem legais! ;)

      Excluir
  2. Que lugar maravilhoso *o* Já fui ao Rio 3 vezes, mas não fui em quase nenhum ponto turístico, sabe o que é bom? Uma cervejinha na Lapa, 100%, no Bar da Boa é gelada que trinca IUAHSIUHAS muito bom

    Blog: Wow, Lovely!/

    ResponderExcluir
  3. Preciso explorar esse cantinho tão lindo do Rio! A gente fica sempre indo aos mesmos lugares e esquece de conhecer outros espaços incríveis como esse. Nada mais gostoso do que ser turista dentro da própria cidade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, esse é o espírito, turistar na própria cidade ;)

      Excluir
  4. Que sonho! Gente eu não acredito que não conheço o Rio, sério! toda vez que vou p Br procuro algo com escala beeeeem grande no Rio p ver se da tempo de pelo menos dar uma voltinha e nunca acho :(

    beijo!


    www.tudoquemecompleta.com

    ResponderExcluir
  5. Ei!!!!
    ótimo poder conhecer lugares novos p visitar =D
    valeu a dica!

    Blog do Sofá

    ResponderExcluir
  6. Eu trabalho ali na rua Acre há 2 anos já e nunca fui ao Morro da Conceição, acredita?! Depois das tuas fotos, vou repensar meus almoços...

    #ficadica: O Angu do Gomes é tudo de bom! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, eu conheço o Angu do Gomes, é realmente bom!

      E aproveite sim, um dia, para caminhar por ali e conhecer o lugar! ;)

      Excluir

Oba! Obrigada por comentar! ;)

+ FOTOGRAFIA

.